Storytelling: o que é, para que serve e como funciona?

Storytelling: o que é para que serve e como funciona?
Ana Bela Cabral

Ana Bela Cabral

O melhor momento para o negócio

Embora possa não parecer, nunca houve um momento tão propício para fazer negócios.

O maior mercado mundial – a Internet – é livre e nunca as pessoas passaram tanto tempo ligadas. Não há filtros, é fácil difundir a informação, no entanto… torna-se cada vez mais difícil captar a atenção do nosso público-alvo.

 

O Storytelling

 

É exatamente neste processo que entra o Storytelling.

O Storytelling enquanto técnica de escrita persuasiva a aplicar em todo o tipo de conteúdos que criamos com o intuito de vender um produto ou serviço.

Do inglês “contar histórias”, o Storytelling não é, no contexto que nos interessa, uma fórmula para criar histórias da carochinha que adormeçam os miúdos mais facilmente, mas, pelo contrário, uma técnica para despertar vontades e desejos de miúdos e graúdos.

 

Por que é que o Storytelling é eficaz

 

Antes da Internet havia a televisão, antes da televisão havia a rádio, antes da rádio havia contadores de histórias. E foi graças a estes que muitas experiências, conhecimentos e tradições chegaram até nós ou, pelo menos, até ao momento de poderem ser registados ou gravados de alguma forma.

Uma história é uma forma de transmitir informações e ideias de modo a serem mais facilmente memorizadas pelos auditores/leitores. Uma história contada informa mas também inspira, deixa marca.

É também um excelente método de análise de problemas e de procura de soluções. Estimulando discussões e pondo a nu a diversidade dos pontos de vista obriga-nos à abertura, à partilha de conhecimentos, à progressão.

As neurociências explicam-nos hoje que este método tem a primordial vantagem de captar a atenção, suscitando a emoção de maneira mais original e mais imersiva.

 

Sobre as duas formas de comunicar para convencer

Há duas formas de comunicar para convencer, mas apenas uma tem o mérito de persuadir de forma indelével e vitalícia.

  1. A primeira forma de convencer consiste em comunicar com base em argumentos lógicos. Tal se traduz na apresentação de elementos factuais.

No caso de um produto ou serviço, por exemplo, trata-se da indicação das características do mesmo e de que modo essas características o podem ajudar a resolver um problema. A mensagem explicará o quê e o como.

  1. A segunda forma de comunicar consiste em utilizar não apenas argumentos racionais, mas também elementos que façam alvo ao coração e às emoções das pessoas para quem comunicamos.

No caso de um produto ou serviço, por exemplo, trata-se de ir além das ditas características e benefícios, e alcançar o significado emocional que pode ter para o comprador a resolução do problema.

O Storytelling apresenta, portanto, a vantagem de conseguir ir além do racional, de fazer apelo à confiança, ao sentimento de pertença.

 

Como funciona

Através da humanização. Pelo facto de contar, não um conto de fadas, mas um conto de factos: a marca apresenta uma solução para o problema do prospeto graças a uma série de factos e personagens com os quais se identifica.

Na era do digital, os consumidores já não querem apenas comprar um produto ou serviço. Procuram sentido e significado.

 

A Escola de Copywriting®

Na Eleva®, estamos atentos a todas as estratégias que possam contribuir para Elevar a tua marca. Sendo o Storytelling, provavelmente, a estratégia mais eficaz, criámos o Curso Certificado de Storytelling para te guiar nesse processo de uma forma estruturada, simples e muito prática.

Em b-learning, o curso tem uma componente “mãos na massa” que te motiva à criação. Além do feedback dos Formadores, os teus escritos passam por um processo de Peer Review após o qual serás confrontado com o espírito crítico de pares e de vozes externas que muito valor podem acrescentar.

Encontrarás toda a informação sobre o curso aqui!

Partilha esta publicação

Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on print
Share on email
Comentários recentes

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *